CAT12

O Esporte

O tiro desportivo é uma modalidade esportiva que envolve teste de precisão e velocidade no manejo de uma arma de fogo ou ar comprimido. A prática dessa modalidade requer treinamento e disciplina. É indispensável o uso de equipamentos de proteção individual (EPI) como óculos e protetor auricular.

Todas as normas são reguladas pela ISSF (International Shooting Sport Federation) organismo internacional sediado na Alemanha.

O tiro com arco não é considerado como uma modalidade do tiro esportivo, sendo regulado por uma federação própria, a FITA.

O Tiro nos Jogos Olímpicos

O número de provas de tiro ao alvo já variou bastante ao longo dos jogos. Foram 21 modalidades em 1920 e apenas duas em 1932. Nenhuma foi disputada em 1928.

Três provas para as mulheres foram introduzidas em 1984. Antes disso, elas disputaram pela primeira vez em 1968, mas em competições masculinas. A mexicana Nuria Ortiz foi a pioneira e terminou em 13º lugar na prova de skeet.

A primeira mulher a ganhar uma medalha no tiro chamava-se Margaret Murdock, em 1976, com carabina de três posições.

Primeira medalha de Ouro do Brasil nos Jogos Olimpicos - Guilherme Paraense

Guilherme Paraense (Belém, 25 de junho de 1884 — Rio de Janeiro, 18 de abril de 1968) foi o primeiro esportista brasileiro a conquistar uma medalha de ouro nos Jogos Olímpicos, no tiro. Foi atleta do Fluminense Football Club.

Militar integrante do Exército Brasileiro, com a patente de tenente, Paraense embarcou para Antuérpia, em 1920, com mais sete companheiros a bordo do navio Curvello, todos por conta própria, e desceram em Lisboa, de onde prosseguiram de trem até a Bélgica, informados de que o navio não chegaria a Antuérpia a tempo de participarem das provas.1 Depois de uma viagem de 27 dias, na conexão em Bruxelas parte das armas e a munição de Paraense foram roubadas.

Com tantos percalços, a equipe brasileira chegou aos Jogos de moral baixa, com fome e sem material esportivo. Impressionados com a situação dos colegas, os atiradores americanos lhes emprestaram armas e munição, modernas e fabricadas especialmente pela Colt, e com elas os brasileiros derrotaram seus benfeitores, ganhando ouro, prata e bronze no Tiro.

Paraense venceu a prova de pistola rápida, acertando na mosca na prova de desempate individual e conquistando a primeira medalha de ouro olímpica brasileira, em 3 de agosto de 1920, e foi medalha de bronze por equipe na prova de pistola livre.

Ele morreu aos 83 anos de enfarte no Rio de Janeiro em 1968, mais conhecido e reverenciado na Europa que no Brasil. O polígono de tiro da Academia Militar das Agulhas Negras, em Resende, leva seu nome em sua homenagem

Sites Oficiais